BAIXADA VIVA NOTÍCIAS

Apresentador da Record é demitido após chamar Ludmilla de ´macaca´ao vivo na tv

Add Comment



O apresentador Marcão do Povo, que chamou Ludmilla de ‘macaca’ ao vivo num programa de TV, foi demitido pela emissora em que trabalhava. Mas não é só isso. Ludmilla vai prestar queixa contra o apresentador. "Não deixaremos impunes tais fatos", disse ela no Instagram.

Na edição do "Balanço geral Brasília", do dia 9 de janeiro, ele comentava o fato de a cantora ter se recusado a tirar fotos com fãs em um restaurante da Ilha do Governador, na Zona Norte do Rio. "Não dá pra entender, era pobre, macaca", disse ele.


O comunicado da Record sobre o desligamento do apresentador.

“A Record TV vem a público lamentar os transtornos causados à cantora Ludmilla, sua família e seus fãs motivados por um comentário feito pelo apresentador Marcão no Balanço Geral DF. 



A Emissora repudia qualquer ato dessa natureza e afirma que este tipo de conduta não está na linha editorial de nosso Jornalismo. Por este motivo, a Record TV Brasília optou por rescindir o contrato do apresentador Marcão”, diz o comunicado enviado pela Record".




Via Extra
22/01/2017

PM reformado é morto durante tentativa de assalto em Ramos

Add Comment


Um policial militar reformado foi morto, na tarde deste domingo, durante uma tentativa de assalto ocorrida na Rua dos Tupinambás, em Ramos, na Zona Norte do Rio. Segundo o 22º BPM (Bonsucesso), o subtenente Amauri Panema, de 52 anos, era proprietário de um bar que foi alvo da ação dos bandidos. O PM reagiu, e um dos criminosos também foi baleado na troca de tiros, mas conseguiu fugir.

Amauri chegou a ser levado para o Hospital Federal de Bonsucesso, mas não resistiu aos ferimentos. Ele é o 13º policial militar morto desde o início do ano. A conta pode subir se um corpo que foi encontrado há duas semanas carbonizado dentro de um carro em Itaguaí, na Baixada Fluminense, for confirmado como sendo do subtenente Cássio Ferreira, também reformado.

Em um perfil de Amauri nas redes sociais, amigos do militar lamentaram a morte e prestaram homenagens ao subtenente.

“Vá com Deus, amigo Amauri Panema, você estará em bom lugar. Meus sentimentos aos familiares e que Deus conforte a todos”, escreveu um internauta.

“Sua lembrança ficará guardada nos corações dos amigos, e essa maldade que fizeram com você não ficará sem justiça”, disse outro.

“Mais um amigo que se vai na mão de bandidos”, lamentou um terceiro.



Via Extra
22/01/2017

Mãe de menina morta por bala perdida faz desabafo: ´Hoje eu perdi meu anjo´

Add Comment


A mãe da menina de 2 anos que morreu vítima de bala perdida, na noite deste sábado, dentro de uma lanchonete do Habib's, em Irajá, Zona Norte do Rio, usou as redes sociais para fazer um desabafo. A mulher, identificada como Herica postou uma foto da menina com um texto emocionante.

“Deus me deu, Deus tomou. Hoje eu perdi o meu anjo. Um anjo que com 2 anos e 7 meses, me ensinou as melhoras coisas da vida. Me ensinou a amar, me ensinou a viver, me ensinou o que é ter uma amiga de verdade... amigas pra sempre, como ela mesma dizia. Ela foi o melhor de mim, era o meu grude, era a minha vida!


Estou pedindo forças a Deus, e querendo acreditar que isso tudo está sendo um sonho. Espero que Deus me ensine a viver sem ela. E que, eu tenho certeza, ela está muito feliz. Ela era uma criança muito feliz, ela comemorava a vida dela todos os dias. Todos os dias cantávamos parabéns pra ela. Agora ela virou minha estrelinha, e que ela continue brilhando pra sempre, agora no meu coração. Eu te amo, minha filha, minha amiguinha!”, escreveu a mãe.


A mãe da menina fez um desabafo nas redes sociais Foto: Reprodução do Facebook


O pai da menina é soldado do 16º BPM (Olaria). Por um áudio do WhatsApp, ele contou, muito emocionado, aos colegas do batalhão sobre a morte da criança: “Amigos do 16º, foi minha filha, foi minha filha. Foi uma perseguição vinda da (comunidade) Para-Pedro. Minha filha estava brincando no parquinho do Habib'bs de Irajá, e o tiro que o vagabundo deu atingiu minha filha. Ela não resistiu”, disse, chorando.

Sofia Lara Braga estava nos brinquedos do restaurante quando policiais militares e um bandido passaram pela Avenida Monsenhor Félix trocando tiros. Um dos disparos atingiu próximo à boca da menina, que chegou a ser levada pelos PMs ao Hospital estadual Getúlio Vargas, na Penha, mas não resistiu aos ferimentos. 


O bandido envolvido na perseguição, Thiago Rodrigues dos Santos, acabou preso. Familiares de Sofia estiveram durante a madrugada no hospital, mas, muito abalados, não conversaram com a imprensa. O corpo da menina foi levado para o Instituto Médico Legal (IML).


Via Extra
22/01/2017



Surto de febre amarela ameaça o Brasil

Add Comment


A Secretaria do Estado de Saúde de Minas Gerais confirmou nesta sexta-feira (20) a morte de 25 pessoas em decorrência do surto de febre amarela no Estado. As mortes foram registradas nos municípios de Ladainha (8), Ipanema (3), Piedade de Caratinga (2), São Sebastião do Maranhão (2), Itambacuri (2), Malacacheta (2), Teófilo Otoni (2), Imbé de Minas (1), Ubaporanga (1), Poté (1), Setubinha (1).

Balanço da secretaria aponta 272 casos suspeitos de febre amarela silvestre no Estado, desses, 47 já foram confirmados. O Ministério da Saúde afirmou que além desses casos confirmados, há 71 mortes e 154 casos suspeitos ainda sob investigação.

Além disso, diz o ministério, os casos continuam concentrados na mesma região de mata silvestre dos 39 municípios mineiros com notificações de casos suspeitos.O ministério informou ainda que já enviou ao Estado mais de 2 milhões de doses extras de vacina contra febre amarela e que 350 mil serão encaminhadas no início da próxima semana.

A secretaria afirma que já distribuiu 1.622.075 doses de vacina febre amarela no Estado, principalmente nas unidades regionais de saúde onde as mortes foram confirmadas : Coronel Fabriciano (430 mil), Governador Valadares (205 mil), Manhumirim (311 mil) e Teófilo Otoni (410 mil).

Em 2016, o Ministério da Saúde registrou sete casos da doença nos Estados de Goiás (3), São Paulo (2) e Amazonas (2). Desses, cinco pessoas morreram. Atualmente, o Brasil tem registros apenas de febre amarela silvestre. Os últimos casos de febre amarela urbana (transmitida pelo Aedes aegypti) foram registrados em 1942, no Acre. Municípios com casos notificados de febre amarela

OUTROS CASOS

No Espírito Santo, também aumentou o número de casos suspeitos da doença, chegando a 11, porém, nenhum confirmado por febre amarela. As suspeitas são dos municípios de de Ibatiba, São Roque do Canaã, Conceição do Castelo, Colatina, Baixo Guandu e Iúna. Mais de 500 mil doses extras foram enviadas para 26 cidades na divisa com o Estado de Minas Gerais.

Casos de febre amarela em humanos costumam ser precedidos do falecimento de macacos pela doença -em São Paulo, duas pessoas morreram no final do ano passado. Apesar disso, a situação está sob controle em São Paulo. De acordo com a pasta, desde o final do ano passado o ministério está aplicando medidas de prevenção e controle da doença.

RECOMENDAÇÃO

De acordo com o ministério, 19 Estados brasileiros já têm recomendação para a vacinação, e em janeiro 650 mil doses foram distribuídas como parte da rotina do calendário nacional de vacinação.

No ano passado, segundo a Saúde, foram repassadas mais de 16 milhões de doses da vacina para todo o país, e em 2017 outras 25 milhões de doses foram compradas. O Brasil, salientou o ministério, é exportador de vacinas de febre amarela.

A recomendação do Ministério da Saúde é que as pessoas que forem viajar para as áreas afetadas se vacinem contra a doença, mas essa não é uma obrigação, ou seja, não haverá fiscalização.

No caso de crianças até cinco anos que residam em áreas de risco ou viajarão para essas regiões afetadas, a recomendação da pasta é uma dose da vacina aos 9 meses de idade e outra dose de reforço aos quatro anos.

Para adultos que vão viajar para áreas afetadas, a recomendação é tomar vacina pelo menos 10 dias antes da viagem, caso seja a primeira vez.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda que cada pessoa tome somente uma dose da vacina na vida contra a febre amarela, mas por precaução o Ministério da Saúde recomenda duas doses.


Com informações da Folhapress

22/01/2017



Pai é suspeito de assistir a incêndio que matou bebê

Add Comment


A polícia suspeita que o pai de uma menina de um ano, que morreu carbonizada dentro de casa, em Assis (SP), é o principal suspeito do crime.

De acordo com testemunhas, o homem já estava fora de casa quando o fogo começou, e a porta fechada com cadeado.

“O que nós estamos apurando é que a casa estava trancada por fora com cadeado e ele assistia a tudo sem nenhuma reação, não arrombou ou estourou a porta para que saíssem os que dentro da casa se encontravam. Isso aliado ao depoimento da testemunha faz com que nós nos convençamos de que ele foi o autor desse incêndio", explica o delegado.

Segundo informações do G1, duas das cinco pessoas que estavam na casa ficaram feridas. A mãe da criança, de 23 anos, foi socorrida com ferimentos graves para o Hospital Regional e continua internada.

"Segundo os vizinhos, as brigas entre o casal eram constantes, com uso de álcool e drogas ilícitas também. Às vezes o suspeito desse incêndio dizia que atearia fogo na casa, o que teria sido feito com a família no interior da residência e ele do lado de fora", diz o delegado.

Uma vizinha do casal disse que estava acordada quando o incêndio começou.

"Eles começaram a brigar e ele falou para ela: vou matar você, vou tacar fogo. Daqui a pouco escutei um baque, já estava amanhecido, mesma coisa de uma bombinha, ai já vi a fumaça e sai correndo", lembra.

De acordo com a publicação, foram os vizinhos que ajudaram a retirar as crianças de 8, 6 e 2 anos da casa, porém, não conseguiram encontrar a bebê.

"Estava trancada a casa, gritou socorro, salva minhas crianças. Eu e um colega meu arrombamos a porta, puxamos e salvamos as três crianças e a mulher que estava desmaiada, só que o nenezinho nós não achamos. Ele engatinhou, se escondeu", concluiu.

Os bombeiros informaram que a bebê foi encontrada carbonizada ao lado da cama da mãe.

A avó das crianças, que dormia na casa, conta como aconteceu.

"Eu dormi com as quatro crianças do meu lado, só que a nenê mama peito foi com a mãe, eu dormi e não vi nada. Eu acordei com um rapaz esmurrando a minha porta que estava saindo fumaça. Arrombei a porta embaixo e salvei as três crianças, mas a outra não deu”, conta emocionada Adriana Fiuza.


Via G1/Notícias ao minuto
22/01/2017

Polícia apreende mais de 15 mil balas de fuzil que seriam entregues para bandidos do Rio

Add Comment


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, neste domingo, 15.848 balas de fuzil e pistola na Rodovia Rio-Santos, em Paraty , na Costa Verde do Rio. A munição seria entregue para bandidos em Irajá, na Zona Norte do Rio.


Balas de fuzil seriam entregues para bandidos em Irajá Foto: Divulgação

O carregamento estava em um carro que foi interceptado na operação Rota Segura, encarregada de reforçar o patrulhamento nas estradas federais. Um homem de 45 anos, e um mulher estavam no veículo. Inicialmente, o casal alegou que vinha de Nova Hamburgo, no Rio Grande do Sul, para conhecer o Rio de Janeiro.

Balas de fuzil e pistola estavam dentro de um carro Foto: Divulgação

Numa vistoria, os policiais encontraram 9.848 balas calibre 40 e 4.800 calibre nove milímetros, ambas próprias para pistola. Os agentes também apreenderam 1.200 balas calibre 762, próprias para fuzil.

Casal foi detido por policiais rodoviários federais Foto: Divulgação


O homem, que não teve a identidade revelada pela polícia, disse que receberia R$ 7 mil para entregar o carregamento de munição na altura de um Shopping, em Irajá.

O caso foi registrado na 167ªDP (Paraty).


Via Extra
22/01/2017



Tiroteio deixa feridos e mortos em favela de Campo Grande

Add Comment
Fotos em redes sociais mostram o cenário após o tiroteio Foto: Reprodução/ Bangu ao vivo


Pelo menos 11 pessoas ficaram feridas e três morreram durante tiroteio na comunidade da Carobinha, em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio, na madrugada deste domingo. A informação é da sala da Assessoria de Imprensa da Polícia Militar.

Agentes da Divisão de Homicídios estão na comunidade. O batalhão da área, 40º BPM (Campo Grande), também confirmou o confronto e afirmou que os outros feridos foram levados para o Hospital Rocha Faria, em Campo Grande.

De acordo com relatos nas redes sociais, a confusão ocorreu em um pagote na favela, por volta das 2h, quando traficantes e milicianos da região iniciaram um confronto. Os traficantes estariam tentando retomar o controle da região, e queimaram oito carros, um ônibus e uma máquina retroescavadeira.

A Polícia Militar reforça o policiamento na região da Carobinha na manhã deste domingo.

Em nota, a Polícia Militar informou que policiais foram acionados para verificar a denúncia de que homens armados estavam efetuaram atirando em um grupo de pessoas que participavam de um baile, no interior comunidade. Chegando ao local, houve confronto com marginais.

Um policial foi ferido com na perna esquerda e levado para o Hospital Rocha Faria. Em seguida os policiais constataram que 11 pessoas ficaram feridas e outras três morreram. Sete pessoas foram socorridas para o Hospital Albert Schweitzer e quatro para Hospital Rocha Faria.O policiamento na região segue reforçado.



Via Extra
22/01/2017


Criança morre atingida por bala perdida durante perseguição em Irajá

Add Comment
A menina Sofia Lara brincava num parquinho quando foi atingida Foto: Reprodução



Uma criança de 2 anos e meio morreu vítima de bala perdida, na noite deste sábado, dentro de uma lanchonete do Habib's, em Irajá, Zona Norte do Rio. Sofia Lara Braga estava nos brinquedos do restaurante quando policiais militares e um bandido passaram pela Avenida Monsenhor Félix trocando tiros. Um dos disparos atingiu próximo à boca da menina, que chegou a ser levada pelos PMs ao Hospital estadual Getúlio Vargas, na Penha, mas não resistiu aos ferimentos. O bandido envolvido na perseguição, Thiago Rodrigues dos Santos, acabou preso.

De acordo com a polícia, a vítima já chegou sem vida à unidade. Ela era filha de um soldado do 16º BPM (Olaria). Por um áudio do WhatsApp, ele contou, muito emocionado, aos colegas do batalhão sobre a morte da criança:

Amigos do 16º, foi minha filha, foi minha filha. Foi uma perseguição vinda da (comunidade) Para-Pedro. Minha filha estava brincando no parquinho do Habib'bs de Irajá, e o tiro que o vagabundo deu atingiu minha filha. Ela não resistiu", disse, chorando.

Familiares de Sofia estiveram durante a madrugada no hospital, mas, muito abalados, não conversaram com a imprensa. O corpo da menina foi levado para o Instituto Médico Legal (IML).

A perseguição começou por volta das 22h, depois que o suspeito desrespeitou a ordem de parada dos policiais militares do 41º BPM (Irajá). Thiago foi preso após perder o controle da direção e capotar com o veículo, uma Pick Up Mitsubishi L200. No acidente, um mototaxista e um passageiro acabaram sendo atingidos pelo carro. Eles sofreram ferimentos leves e foram atendidos no local por bombeiros.


Carro ficou capotado em Irajá Foto: Reprodução / Irajá Notícias


Thiago foi encaminhado à 27ª DP (Vicente de Carvalho) e depois levado para a Cidade da Polícia, no Jacaré. Com ele, os militares apreenderam uma pistola. A polícia vai investigar agora de qual arma partiu o tiro que matou a criança.



Via Extra
22/01/2017

Menina é atingida por bala perdida dentro de brinquedo, em Irajá

Add Comment
Pai corre com a filha nos braços para tentar salvar a criança. Foto: Reprodução



Uma criança foi baleada na cabeça enquanto brincava numa lanchonete em Irajá, Zona Norte do Rio, na noite deste sábado, após uma perseguição policial que resultou em um homem preso. Uma testemunha contou que ouviu apenas um tiro.

— A família dessa menininha estava do nosso lado. Eu tinha acabado de chamar a minha afilhada quando ouvi um barulho de tiro. Todo mundo ficou quieto na hora. Passaram uns dois minutos e só vimos um cara escalando o brinquedo. Ele pegou a menina, desceu e a colocou na viatura — contou: — O policial ainda botou a mão na cabeça quando viu que era uma criança. A mãe estava em estado de choque e levaram ela para o hospital também. Meu marido viu que a bala pegou na lateral da cabeça da garota. Estava jorrando muito sangue.

C
arro ficou capotado em Irajá Foto: Reprodução / Irajá Notícias


Ainda não se sabe o estado de saúde da criança. Ela teria sido levada para o Hospital estadual Getúlio Vargas, na Penha, também na Zona Norte do Rio. A perseguição acabou quando o carro capotou na Rua Monsenhor Félix, bem na frente da lanconete onde a criança estava.


Carro capotado Foto: Reprodução / Irajá Notícias

— Na hora, ninguém se ligou do que tinha acontecido. Acho que foram as crianças dentro do brinquedo que avisaram — contou a testemunha.


Via Extra
22/01/2017



Tiroteio entre facções rivais deixa três mortos

Add Comment


Um intenso tiroteio entre facções rivais deixou três pessoas mortas e uma mulher ferida na perna na Comunidade de Cidade Alta, em Cordovil, Zona Norte do Rio, manhã deste sábado (21).

De acordo com informações do 16º BPM (Olaria), um Fuzil AK e alguns artefatos explosivos espalhados pela rua foram apreendidos pelos agentes do Bope, Bpchq e 41º BPM (Irajá) que foram acionados para ocorrência.




Via Manchete online
21/01/2017

Pedreiro aposentado constrói casa de cabeça para baixo

Add Comment


Um pedreiro aposentado construiu uma casa de cabeça para baixo, em São Mateus, no Norte do Espírito Santo. A construção, que tem quartos, banheiro e cozinha, tem chamado a atenção dos moradores da cidade.

Por dentro, a casa parece normal, com todos os cômodos de uma construção tradicional. Mas, do lado de fora, tudo é invertido para parecer que a casa está de ponta cabeça.

O telhado fica na parte de baixo, encostado no gramado. A chaminé e até a caixa d’água também se apoiam no chão, para dar sustentação à construção.

As janelas e as portas foram colocadas no alto da casa, também na posição invertida. E como a porta é apenas um “enfeite”, sem serventia, a entrada da casa fica na parte de trás.

O autor da ideia é o pedreiro aposentado Valdivino Miguel da Silva, que levantou a casa. “Trabalhei muito tempo com obras em Colatina [Noroeste do Espírito Santo] e depois que me aposentei resolvi fazer uma coisa diferente. E decidi fazer uma casa de cabeça para baixo”, contou.

Quando estava ainda no papel, a ideia não agradou a esposa de Valdivino. “Falei para ele que ele era louco. Mas quando ele encasqueta de fazer uma coisa, ele vai e faz”, brincou a dona de casa Elisabete Clemente.

Depois de pronta, a casa conquistou toda a família. “Agora que a casa está pronta eu achei bacana, agora não é mais loucura”, disse Elisabete.

Uma das filhas do casal confessa que já esperava por algo inusitado saindo da cabeça do pai. “Ele é muito criativo. Tem outras invenções dele. Quando coloca uma coisa na cabeça, não tem jeito, ele começa e no final sempre fica tudo lindo”, disse Kênia Miguel da Silva.

De tão inusitada, a casa virou um atrativo na região. Quem passa por lá, não perde a chance de tirar uma foto. “É a primeira vez que a gente vê uma casa construída dessa forma. Tem que registrar”, disse uma moradora.

Apesar do apego à casa, Valdivino disse que a família não vai morar nela. A casa será alugada para outros moradores.



Via G1
21/01/2017

Empresa ´99 taxis´ vai contratar 250 profissionais

Add Comment


O aporte financeiro da empresa chinesa DiDi Chuxing na brasileira 99, anunciado no início deste mês, começa a dar frutos. 


O aplicativo de táxis do Brasil anunciou nesta sexta-feira (20) que procura 250 profissionais, em áreas como administrativa, de atendimento ao cliente, comunicação, finanças, jurídico, marketing, tecnologia.

A contratação vai dobrar o capital humano da empresa, que hoje tem cerca de 200 empregados, além de 140 mil motoristas e mais de 10 milhões de usuários cadastrados. 


A primeira etapa da seleção será online. Os interessados precisam preencher um formulário na aba Carreiras, do site da 99 (http://www.99taxis.com"Acreditamos que o trabalho não precisa ser algo chato", diz o anúncio.


Via Notícias ao minuto
21/01/2017


Crivella participa da abertura de área de lazer do Parque Olímpico para a população

Add Comment
Crivella esteve no Parque Olímpico na manhã deste sábado (21) (Foto: Bruno Albernaz)

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, participou da abertura da área de lazer do Parque Olímpico, a via olímpica, para a população. O novo espaço de convivência é voltado a prática de esportes ao ar livre dos cariocas.

Nesta primeira fase, o espaço ficará aberto entre 8h da manhã e 18h. “O povo do Rio de Janeiro pode conhecer esse lugar tão bonito, cuja moldura feita pelas mãos de Deus, que são as montanhas, as lagoas e essa vista linda. Eu convido a todos do Rio de Janeiro para vir aproveitar", destacou Crivella.

O prefeito falou também da ideia de transformar a Arena 3 em colégio. "Eu vou fazer uma visita essa semana com os professores da creche e os diretores pra a gente falar sobre isso. Mas a ideia é colocar as salas de aula na parte Adjacentes nas circunferências, já que dentro, nós temos um espaço enorme para praticar esportes olímpicos."

A aposentada Edineia Minteiro Pimentel, de 71 anos, foi conhecer e caminhar pela Via Olímpica nessa manhã com amigos e familiares, logo após a abertura do espaço. Ela conta que, a partir de agora, vai visitar com mais frequência o local. "Agora vou vir sempre com a família né? Passar o final de semana, caminhar e dar uma relaxada. Vai ser muito bom. Aproveitamos hoje e gostamos, conta Edineia.

Ainda de acordo com Crivella, a partir de março o ministério dos Esportes deve assumir a manutenção do parque, que também receberá o Rock In Rio, em setembro. "O Rock in Rio é uma das maiores festas que ocorrem no Rio de Janeiro. Uma das maiores não, pelas informações que eu tenho, é a maior. Já estive reunido com o Medina diversas vezes, aliás eu até o convidei, ele aceitou, de fazer parte do nosso conselho de turismo. 



Claro que a festa vai acontecer, claro que a Prefeitura vai dar todo o apoio. Nós precisamos de turismo, nós precisamos de calendário. Nós estamos com quase 60 mil vagas de hotel agora, não podem ficar vazios. Vamos trabalhar muito pra isso", completou o prefeito.


Via G1
21/01/2017

Hospital particular de Duque de Caxias é interditado pela Vigilância Sanitária

Add Comment
Hospital particular tem serviços de urgência e emergência, além de outras especialidades Foto: Cléber Júnior / Extra

A Vigilância em Saúde do estado interditou parcialmente o Hospital Santa Branca, no Jardim Vinte e Cinco de Agosto, em Caxias, por tempo indeterminado. De acordo com a Secretaria estadual de Saúde, a unidade “não tem estrutura física” e apresenta “processos de trabalho inadequados’’ para o seu funcionamento. A determinação começou a valer a partir do último dia 3.

A interdição na unidade de saúde ocorreu na Central de Material Esterilizado (CME). A Secretaria estadual de Saúde informou ainda que o “pleno funcionamento do hospital só poderá ser retomado após a regularização estrutural ou da comprovação da terceirização das atividades da CME”. A secretaria ressaltou que a interdição parcial não representa prejuízo aos pacientes internados.


Ontem, durante a manhã, a movimentação de pacientes e funcionários era pequena na entrada do hospital. Por lá, ninguém quis comentar a decisão.

A interdição parcial da unidade de saúde foi resultado de uma inspeção realizada por técnicos da Subsecretaria de Vigilância em Saúde em agosto do ano passado. A sanção foi publicada na última quarta-feira em Diário Oficial.

O órgão comunicou que as fiscalizações são realizadas periodicamente nas unidades de saúde cadastradas e que podem também ser provocadas por denúncias dos usuários pelo e-mail visa.denuncia@saude.rj.gov.br ou no site www.vigilanciasanitaria.rj.gov.br.

Resposta do Hospital Santa Branca:

Em nota, enviada neste sábado pelo departamento jurídico do Hospital Santa Branca, a unidade afirmou que "sofreu fiscalização da ANS em agosto de 2016, cujas exigências foram cumpridas, contudo o órgão não apreciou devido este se encontrar em greve." O comunicado ainda ressalta que o "fato do CME estar interditado não interfere no atendimento aos pacientes", estando o Hospital funcionando normalmente.

O texto ainda esclarece que contra Bolivar Guerreiro Silva, dono do Santa Branca, não existe sentença condenatória.

Celebridades como pacientes e dono preso

Ludmilla fez lipoaspiração na unidade de saúde 17/03/2015 Foto: Cléber Júnior / Extra

Foi no Hospital Santa Branca que a funkeira Ludmilla realizou uma lipoaspiração em março de 2015. Na época, a cantora tinha 19 anos e fez o procedimento com o mesmo médico que fez a cirurgia em Andressa Soares, a Mulher Melancia.

A unidade de saúde tinha como proprietário o equatoriano Bolivar Guerreiro Silva. Ele foi preso durante uma operação da Polícia Civil, em 2010, acusado de comercializar ou aplicar um medicamento para preenchimento facial sem registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) à base de PMMA (polimetilmetacrilato). Outras sete pessoas também foram presas.

Leia na íntegra a nota do Hospital Santa Branca:

"O Hospital sofreu fiscalização da ANS em agosto de 2016, cujas exigências foram cumpridas, contudo o órgão não apreciou devido este se encontrar em greve.

Esclarecemos que o fato do CME estar interditado não interfere no atendimento aos pacientes.

O Hospital está funcionando normalmente.

Quanto ao Dr. Bolivar Guerreiro Silva, não existe sentença condenatória, não devendo este ser estigmatizado por algo que está sub judice".


Via Extra
21/01/2017

Depressão e angústia: Cabral chora alto e assusta agentes do SEAP

Add Comment


O ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, está passando por momentos difíceis no Complexo Penitenciário de Bangu, no Rio. De acordo com informações dos agentes do SEAP, o seu choro é alto, ele berra muito e dá para ouvir seus soluços de longe. Ele está completamente deprimido e vivendo uma fobia extrema dentro de sua pequena cela. O seu choro pode ser ouvido a mais de 50 metros pelos carcereiros e isso chama atenção dos vigias, que se surpreenderam com tanta agonia do ex-governador.

Nesta semana, uma informação veio movimentar Bangu. Os advogados do ex-secretário de Obras de Cabral, Hudson Braga, avisou que seu cliente já está pensando em negociar uma delação premiada para poder amenizar a sua pena. Se isso acontecer, é provável que nomes do alto escalão da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) e do Tribunal de Contas do Estado (TCE) sejam citados.

No final do ano de 2016, o ex-governador havia tido um desentendimento com seu ex-secretário de Obras, em Bangu. Cabral exigiu dele mais lealdade e que caso a delação fosse feita, que antes eles pudessem conversar, para que as informações fossem passadas sem prejudicar ninguém do grupo e que fossem coordenadas por ele.

Após o bate-boca dos dois, a situação, aos poucos, foi se acalmando.
Morte no Bangu

Na segunda-feira (16), um detento foi encontrado morto no presídio. De acordo com a Secretaria de de Estado de Administração Penitenciária, os agentes foram chamados pelos próprios presos. Eles disseram que Diego Maradona Silva Souza estava passando mal.

Quando os agentes chegaram até a cela do preso, constataram que ele já estava morto. Foi aberta uma sindicância para saber o motivo da morte, que até agora, ainda não tinha sido informada.

O detento que faleceu estava em uma cela com mais cinco presos. Era um local separado das celas dos demais, conhecido como “seguro”.

O motivo da morte dele será apurado e esclarecido pelo Instituto Médico Legal (IML).



Via B.News Brasil
21/01/2017

Após campanha, pastor Valdemiro consegue R$ 8 milhões de fiéis

Add Comment




O pastor Valdemiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, foi testemunha de dois outros "milagres" em janeiro: pessoas voltaram a lotas os templos da igreja, e já conseguiu R$ 8 milhões que precisava para bancar seu canal de televisão: a Rede Mundial.

Segundo a Coluna 'Ricardo Feltrin', do UOL, Valdemiro pediu que seus fiéis doassem R$ 1.000 para ajudar na tele-evangelização. Ao todo, o pastor precisava de R$ 8 milhões para cumprir o "desafio". O pastor declarou que o valor corresponde a manter a emissora por um mês.

Ainda de acordo com a reportagem, os templos da Mundial voltaram a ficar cheios após a tentativa de assassinato sofrida no início do mês, praticado por um homem que teria se passado por fiel da igreja e que portava um facão.




Fonte: Notícias ao Minuto
21/01/2017



Criança de 4 anos salva mãe de colapso ligando para a emergência: ´A mamãe dormiu´

Add Comment


Quando encontrou sua mãe deitada no chão da cozinha, o pequeno Jacob, de 4 anos, se surpreendeu. Ele mesmo tentou "acordá-la", mas ela não reagiu. Foi ligando para a emergência para pedir ajuda que ele conseguiu fazer os primeiros socorros e evitar uma tragédia.



Segundo informa o jornal Daily Star, a gravação da ligação, que durou três minutos e meio, é impressionante porque mostra a capacidade do menino de seguir as orientações da atendente Kelly Morgan. Jacob ainda tem problemas de fala, mas mesmo assim explicou o que acontecia e respondeu às questões com "sim" ou "não". Sua mãe, Gemma Onions, de 33 anos, chama o filho de herói: "Ele salvou minha vida".

As primeiras palavras de Jacob foram "a mamãe dormiu". Depois, ele conseguiu explicar a situação com frases curtas, mas impressionantes para uma criança desta idade e numa situação crítica: "Mamãe está no chão. Mamãe se machucou. Ela não fala". Ele foi instruído para tentar acordar a mãe novamente, o que funcionou.

Jacob, hoje com 4 anos, retratado quando tinha 2 Foto: Reprodução / Facebook


A mãe conseguiu conversar brevemente com a atendente e informa o que aconteceu. Ela tem uma condição, ainda não diagnosticada, que causa as quedas. Gemma informou que havia caído, batido a cabeça e não sentia as pernas e aguardou a ambulância em segurança.

Além de Jacob, Gemma tem outros dois filhos, de 10 e 12 anos, que sabem da condição e também como ajudá-la, mas nem eles, nem seu marido, estavam em casa no momento.




Via Extra
21/01/2017

Guerra entre facções assusta moradores

Add Comment
Em novembro do ano passado, guerra de facções assustou moradores 18/11/2016 Foto: Fabiano Rocha / Extra


Bandidos de facções rivais trocaram tiros no início da manhã deste sábado na Cidade Alta, na Zona Norte do Rio. Moradores da região relataram por meio do WhatsApp do EXTRA (21 99644-1263), que o confronto foi intenso e ocorreu por causa de uma tentativa de invasão de bandidos que controlam o tráfico no Complexo do Alemão, também na Zona Norte. 


As rajadas de tiros assustaram. Até o momento, a Polícia Militar não deu informações sobre o ocorrido. Também não há confirmação de mortos ou feridos.

- Acordei com o barulho dos tiros. Está um horror. É uma guerra entre facções rivais - disse uma moradora.

Segundo informações da Polícia Civil, no último dia 15 de novembro, a Cidade Alta foi invadida por um grupo de traficantes das favelas de Parada de Lucas e Vigário Geral, que passaram a controlar a venda de drogas no local. Entretanto, o grupo rival tenta agora retomar o controle do comércio de drogas na comunidade.


Via Extra
21/01/2017


Morre estudante baleada em favela

Add Comment
Adolescente de 16 anos, baleada no Morro dos Prazeres, não resistiu Foto: Reprodução/Facebook

Morreu nesta sexta-feira a estudante de 16 anos que estava internada no Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro, desde terça-feira, quando foi baleada durante um tiroteio entre policiais militares e traficantes no Morro dos Prazeres, em Santa Teresa. Thayssa da Silva Matos foi atingida na barriga e passou por duas cirurgias, mas não resistiu a uma hemorragia.

Segundo Djenane Silva, tia de Thayssa, a adolescente, que estava de férias, foi ferida enquanto ia para a casa da avó na localidade conhecida como Uga-Uga, que fica perto da Rua Gomes Lopes, um dos principais acessos ao morro.

— Ela havia chegado da praia pouco antes. Passou em casa, tomou banho e foi ver a avó. Toda a comunidade, não só a família, está revoltada. Minha sobrinha era uma menina quieta, não costumava ficar andando por aí, era de casa para a escola e vice-versa. Gostava muito de ficar no quarto tocando violão — disse Djenane.

Marcas do sangue de Thayssa ainda eram vistas, ontem, no local onde ela foi baleada. De acordo com moradores, investigadores não fizeram perícia na área. A Polícia Civil não comentou a denúncia.

O comando da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro dos Prazeres informou que, no início da noite de terça-feira, uma equipe de PMs que fazia patrulhamento foi atacada a tiros por criminosos na localidade conhecida como Beco do Aguinaldo. Uma mulher, no entanto, disse que foram os policiais que abriram fogo primeiro. Ela afirmou ainda que muitas crianças estavam brincando na rua quando começou o confronto:

— Eu estava chegando do trabalho. Encontrei a mãe da Thayssa e ficamos conversando no portão da minha casa. De repente, o tiroteio começou, todo mundo entrou em pânico e cada um correu para um lado. O Beco do Aguinaldo é longe do Uga-Uga. Depois, ouvi um policial perguntando para os colegas se uma menina havia sido atingida.

No mesmo dia em que Thayssa levou um tiro, um homem foi morto no Morro do Fallet, na mesma região, durante um outro confronto entre PMs e traficantes. Comerciantes da Rua do Riachuelo, que vai do Centro à Lapa, tiveram de fechar as portas de suas lojas na terça e na quarta-feira, por ordem de bandidos.



Via Extra
21/01/2017


Vandrey Pereira deixa o jornalismo da Globo

Add Comment


Mais uma baixa no jornalismo da Globo no Rio. Vandrey Pereira, repórter e apresentador eventual do “RJ TV”, pediu demissão e fica até o fim do mês na emissora. 


O jornalista recebeu um convite para trabalhar numa produtora e vai se mudar de mala e cuia com sua família para Orlando, nos Estados Unidos. 


Natural de Santa Catarina, Vandrey estava na Globo Rio desde 2005, quando foi chamado para apresentar o projeto “RJ Na Baixada”, descontinuado anos depois. 


Este mês, também deixaram o jornalismo da Globo os apresentadores Luís Ernesto Lacombe e Bianca Ramoneda, ambos furos de nossa cybercoluna. Agora, mais um pra conta.

Por Anna Ramalho
21/01/2017