Mulher é presa por receptação e falsificação de documento na Rio-Magé

De acordo com a mulher, ela comprou o veículo em 2014 por R$ 30 mil reais Foto: Divulgação

Uma mulher foi presa por receptação e falsificação de documento público na Rio-Magé (BR-116), nesta terça-feira. Ela, que se identificou como proprietária do veículo e estava trabalhando numa oficina mecânica às margens da rodovia, apresentou aos policiais o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) com sinais de adulteração.

Os policiais faziam ronda na altura do km 142 quando desconfiaram de uma Fiat/ Strada com placas do Espírito Santo estacionada na pista lateral da rodovia. Na fiscalização, os agentes perceberam que apesar dos elementos identificadores do veículo não apresentarem sinais de adulteração, eles não eram compatíveis com a numeração de chassi indicada no CRLV.

Os policiais constataram que o documento CRLV fazia parte de um lote roubado na Ciretram (circunscrição Regional de Trânsito) de Serra, cidade a 27 quilômetros de Vitória (ES), e que o veículo havia sido roubado em 2012 também na cidade de Serra. Ao consultarem os sistemas de Segurança, foi verificado que o motor do veículo pertencia a um outro veículo.

De acordo com a mulher, ela comprou o veículo em 2014 por R$ 30 mil reais e não fez a transferência de propriedade porque o antigo dono havia falecido. Ela foi presa e encaminhada à 60ª DP em Campos Elíseos.



Via Extra


Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »