Polícia faz operação para prender suspeitos de matar agente da Força Nacional



Policiais da Divisão de Homicídios (DH) fazem uma operação na Vila do João, na Maré, na Zona Norte do Rio, na manhã desta terça-feira, para cumprir mandados de prisão contra os traficantes acusados por dispararem contra policiais da Força Nacional de Segurança, que entraram por engano na comunidade, na última quarta-feira.


Na ação, o soldado Hélio Vieira de Andrada, que veio de Roraima, levou um tiro na cabeça e foi operado no Hospital Salgado Filho, mas não resistiu. O capitão Alen Marcos Rodrigues Ferreira, que atua em Cruzeiro do Sul, no Acre, teve ferimentos leves e o soldado Rafael Pereira, do Piauí, escapou ileso.

Perícia encontra marca de um tiro

A perícia feita por agentes da DH encontrou somente uma marca deixada pela passagem de um projétil de arma de fogo no veículo dos policiais da Força Nacional. O orifício está no vidro dianteiro, bem em frente ao banco do motorista — que, na ocasião, era o soldado Hélio Vieira Andrade.

A perícia feita no local de crime indica que o veículo, que vinha pela Linha Amarela, entrou na favela por engano e passou por dois quebra-molas antes de ser atacado. Hélio ainda tentou dar ré. Baleado, perdeu o controle do veículo, que bateu num muro.


O soldado Hélio foi atingido na cabeça Foto: Reprodução



Via Extra
16/08/2016


Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »