Ambulante entra em luta corporal com assaltante no metrô e é baleado de raspão

Jean Alex foi atingido de raspão no ombro; que chegou a rasgar sua roupa. Reprodução / Rede Record



O ambulante Jean Alex, que entrou em luta corporal com dois assaltantes na manhã desta sexta-feira (7) na estação de metrô de Thomaz Coelho, na zona norte, disse que reagiu por instinto depois de ver como os suspeitos agiam. Segundo ele, os homens estavam menosprezando as mulheres do vagão feminino e agindo brutalmente. Jean e um vigilante do Metrô Rio foram atingidos de raspão.



Os dois assaltantes entraram em um dos vagões femininos na estação Vicente de Carvalho, vindo de Pavuna em direção à Botafogo, zona sul. Ao chegar ao vagão misto, próximo à estação Thomaz Coelho, eles teriam anunciado o assalto e conseguido pegar bolsas e celulares de passageiros. Quando desceu do vagão, um dos criminosos abordou o vigilante. Por ser mais alto, o vigilante reagiu e conseguiu travar o revólver na mão do assaltante para que não fizesse disparos. Em entrevista à Rede Record, ele preferiu não se identificar. 


— Quando ele saiu do trem, eu segurei ele e o cano da pistola. Entrei em luta corporal com ele. Aí chegou um colega e me ajudou.

O camelô Jean Alex também entrou em luta corporal com os suspeitos. Quando o assaltante conseguiu se desvencilhar do segurança do Metrô, ele fez o disparo que atingiu o vendedor ambulante. O camelô então teria se jogado na linha do trem para escapar. Ele foi medicado em uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da região e passa bem. Depois de ser atendido, prestou depoimento na delegacia de Inhaúma (44ª DP).

— Foi um susto. Não desejo que ninguém passe por isso, mas eu sei que minha iniciativa foi errado. Agi por instinto. Eles estavam "esculachando" as mulheres. Estavam agindo brutalmente.


Via R7




Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »