Casal acusado de matar jovem é preso em Duque de Caxias





Um crime que chocou moradores de Mauá, na Grande São Paulo, há três anos, parece que teve seu desfecho na noite da última quinta-feira, na Baixada Fluminense. Policiais do 15º BPM (Duque de Caxias) prenderam um casal foragido, suspeito de envolvimento na morte brutal de uma jovem, de 15 anos. O corpo de Renata Miguel da Silva foi encontrado na antiga residência do casal. O laudo da perícia apontou que a vítima havia consumido cocaína e uma overdose poderia ser a causa da morte. Informações do Disque Denúncia levaram a polícia até o endereço atual do casal. Eles foram indiciados por homicídio e tráfico de drogas.


Rosane Carla dos Santos Silva, de 29 anos e o cabeleireiro José Nilson da Costa, 37, foram encontrados por volta de 19h, na Rua Martiliano de Alencar, nº 11, em Campos Elísios, em Duque de Caxias.

Policiais chegaram à residência, mas só encontraram duas crianças de 10 e 12 anos. Os mesmos informaram que os pais estavam trabalhando: Rosane numa farmácia e José numa barbearia próxima de casa. Após ser dada voz de prisão, os dois foram conduzidos a 60ªDP (Campos Elíseos).


Renata tinha apenas 15 anos, e estava em busca de seu primeiro emprego. Ela foi convidada por uma mulher que dizia ser dona de um salão de beleza. A jovem passaria por um teste: se ela fizesse bem as unhas da possível nova patroa, conseguiria a vaga. Infelizmente a proposta era uma emboscada. A mulher, junto com seu parceiro, queria que a jovem realizasse orgias com o casal. A adolescente apareceu morta, nua, sobre a cama dos criminosos. A suspeita é que ela tenha falecido em consequência de uma overdose de cocaína e pelo estupro que sofreu.


Via Jornal de Hoje
12/11/2016


Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »