Cabral e Adriana Ancelmo em vez de lagosta e caviar, tiveram Natal à base de quentinhas



Um Natal sem ceia nem visitas. Presos no sistema penitenciário de Bangu, o ex-governador Sérgio Cabral e a mulher, Adriana Ancelmo, estão cumprindo a rotina normal de outros detentos durante a época de festas de fim de ano.

Segundo a secretaria de Estado de Administração Penitenciária, a rotina dos presos não é alterada nas festas de fim de ano. Na prisão, as refeições de Cabral e da mulher, Adriana Ancelmo, são arroz ou macarrão, feijão, uma porção de proteína (carne, frago ou peixe) , salada, fruta ou doce de sobremesa e refresco. E a visitação também continua acontecendo nos dias normais.

Também preso, o ex-assessor especial de Cabral, Paulo Fernando Magalhães Pinto, teve o pedido de habeas corpus negado pela presidente do Superior Tribunal de Justiça, a ministra Laurita Vaz.

A defesa alegou que a liberdade de Magalhães Pinto não significaria um risco para as investigações já que o empresário não exerce mais qualquer função pública e ainda está com os seus bens indisponíveis.

Entretanto, a ministra Laurita Vaz considerou que a prisão preventiva se justifica, pois as investigações mostraram condutas de altíssimo grau de reprovabilidade, a ensejar a necessidade de se “estancar a prática criminosa e evitar outras ações no sentido de ocultar bens e valores”.

A ministra ainda cita, na decisão, a necessidade de se interromper ou diminuir a atuação de integrantes de organização criminosa como fundamental para a garantia da Ordem Pública.


Via Extra
27/12/2016

Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »