Polícia investiga se corpo carbonizado encontrado em Nova Iguaçu é de embaixador grego



Peritos da Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) examinam um corpo carbonizado encontrado no bairro Figueira, em Nova Iguaçu. Os agentes investigam se o corpo é do embaixador grego Kyriakos Amiridis, desaparecido há três dias. Segundo o comandante do 20º BPM (Mesquita), tenente-coronel Marcelo Moreira Malheiros, o corpo estava dentro de um carro e foi encontrado por PMs do batalhão no final da tarde de ontem. 



De acordo com agentes da DHBF, o carro, um Ford Ka, tem a mesma placa do modelo usado pelo embaixador enquanto passava férias no Rio de Janeiro.

O carro foi abandonado numa ribanceira, na Rua do Encanador, próximo ao Arco Metropolitano. O corpo já foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal de Nova Iguaçu.




Amiridis está desaparecido no Rio desde a noite de segunda-feira. Ontem, a mulher do embaixador foi até a delegacia e informou à polícia o desaparecimento. Segundo ela, na segunda-feira, o marido estava em casa, no Centro de Nova Iguaçu, quando avisou que iria sair, sem revelar o destino. Desde então, ela não conseguiu mais contato com ele. Amiridis saiu de casa dirigindo um Ford Ka alugado.

Amiridis, que vive em Brasília, estaria passando férias na Baixada. Ele foi cônsul-geral da Grécia no Rio de 2001 a 2004 e assumiu o posto de embaixador da Grécia no Brasil em janeiro deste ano. De acordo com informações do site da embaixada, o grego é casado e tem uma filha.

Via Extra
29/12/2016

Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »