Dona de escola é morta a tiros; polícia crê em envolvimento do tráfico



A dona de uma escola de ensino fundamental em São Gonçalo foi morta a tiros na porta da unidade, no bairro Marambaia, na manhã desta quinta-feira. Rosemary de Souza, de 52 anos, estava com outras duas funcionárias abrindo a escola, às 8h, quando foi abordada por motoqueiros. A Polícia Civil acredita que a execução possa ter sido ordenada por traficantes.

- Nós estávamos na porta quando dois homens numa moto chegaram. Eles perguntaram pela dona da escola. Ela disse que a dona não estava (legalmente o centro educacional está em nome da filha dela) então um deles sacou a arma, disse que ela estava mentindo, que ela que era a dona, e disparou três vezes. Eu saí correndo, não tive coragem de vê-la caída - disse uma funcionária que preferiu anonimato.A polícia na escola onde ocorreu o crime Foto: Thiago Freitas / Extra

Rosemary, que era diretora da escola Edef, na Rua Liberdade, chegou a ser socorrida no Hospital estadual Alberto Torres, mas não resistiu aos ferimentos.

- Estamos apurando o fato em questão de prioridade e faremos, ainda hoje, todas diligências possíveis para chegarmos a identificação dos autores, sabemos que a Diretora não permitia ações do tráfico no entorno da escola - explicou o delegado Fabio Barucke, titular da Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo.




Via Extra
26/01/2017


Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »