Mãe de bebê que morreu atingido por rojão no réveillon no Rio lamenta



A mãe da criança de 10 meses que morreu após ser atingida por um rojão durante a virada do ano em uma festa na Taquara, Zona Oeste do Rio de Janeiro, contou que a família estava em casa e se preparava para dormir, quando começou a queima de fogos em comemoração à chegada de 2017.

Segundo Vanessa Marciana, por volta de 0h15, houve um blackout e a menina e o pai foram atingidos pelo rojão.

“Na hora que estava soltando os fogos, ele pegou ela e levou ela para ver, em cima da laje. Deu um ’blackout’. Quando a luz acabou, foi que ele foi entrar com ela, ele disse que só viu aquela bola de fogo vindo até ele, e pegando ele na lateral. E a minha filhinha 'entrou' os artefatos nas costinhas dela, e perfurou os pulmões da minha filha”, contou a mãe de Raphaelly, Vanessa Marciana.

A menina Raphaelly Alvez Rocha da Silva estava no colo do pai quando os dois foram atingidos pelas costas por um rojão. Eles foram levados para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, mas a bebê não resistiu e morreu. A criança teve os dois pulmões perfurados.

Raphaelly, que era a única filha do casal, foi enterrada na segunda-feira (2), no Cemitério de Inhaúma. O pai, Rafael Alves, segue internado no hospital Lourenço Jorge.

Um inquérito policial foi instaurado na 32ª Delegacia de Polícia (Taquara) para apurar a morte da criança, mas as circunstâncias ainda precisam ser esclarecidas pelos investigadores.


Via G1
03/01/2016

Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »