´Se não é Deus para me guardar não estava aqui para contar a história´, diz pastor ferido




“Se não é Deus para me guardar não estava aqui para contar a história”. O desabafo é do pastor Marcos Paulo Morais, de 43 anos, vítima de uma tentativa de assalto, no bairro Vila Nova, em Nova Iguaçu, na manhã da última quarta-feira. 


Ferido por estilhaço na cabeça, nas costas e na coxa, ele se recupera em casa do crime. Ele classificou como milagre ter escapado com ferimentos leves, já que o carro do religioso foi atingido por pelo menos oito tiros.

“Estava chegando na igreja por volta das 10h quando saía do carro e não percebi a aproximação dos bandidos. Ouvi o primeiro estrondo e achei que era uma bombinha. E depois uma sequencia de tiros. Me joguei para dentro do carro e continuei ouvindo os tiros e achei que estava no meio de um tiroteio. 


Não sabia que era o alvo. Não fui abordado. Acho que por ter demorado a sair do carro e por ter pego a bíblia, eles podem ter subentendido que estava me preparando para reagir e que fosse uma arma. Metralharam o carro. Foi uma tentativa de assalto”, garantiu o pastor.


Após os disparos pararem, Marcos conta que percebeu que estava ferido e foi buscar socorro na igreja Projeto Resgatar Vidas, onde atua. De lá, seguiu para o Hospital da Posse.


Via Jornal de Hoje
26/01/2017


Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »