Traficantes obrigam fechamento de comércio de Nova Iguaçu após morte de suspeito

O clima nas comunidades que ficam no corredor da Avenida Abílio Augusto Távora é de tensão, medo e terror. Fotos: Ivan Teixeira / Jornal de Hoje

O clima nas comunidades que ficam no corredor da Avenida Abílio Augusto Távora (antiga Estrada de Madureira) é de tensão, medo e terror. Após a morte de um suposto criminoso e um outro ser baleado, traficantes do bairro Danon, em Nova Iguaçu, ordenaram o fechamento do comércio dentro da comunidade e na estrada de Madureira, na manhã de ontem (13). Há informações de policiais do 20ºBPM (Mesquita) de que um homem identificado como Edson José Diniz da Silva, conhecido como ED, teria sido baleado na mão.



De acordo com informações do batalhão, ED estaria na Rua João Vieira Braga, dentro da comunidade, em frente a um campo de futebol localizado na comunidade. Ainda segundo os policiais militares, a presidente da associação de moradores estaria dando cobertura ao suspeito. Esta informação ainda não foi confirmada. Várias viaturas do batalhão foram deslocadas para o local a fim de garantir a tranquilidade dos comerciantes, a reabertura de todo o comércio e evitar que moradores fossem obrigados pelos traficantes a fechar a estrada de Madureira e incendiar ônibus. A Polícia Militar informou que o policiamento irá continuar reforçado por tempo indeterminado.


No ano passado, pelo menos dois fechamentos do comércio na região por ordem do tráfico foram registrados. Em maio, um trecho da Estrada de Madureira se transformou numa cidade fantasma após traficantes ordenarem o fechamento do comércio nos trechos entre Danon e Mangueira. 

A ordem, na época, teria partido da facção criminosa Comando Vermelho (CV), que domina a venda de drogas na região. O ato foi em retaliação a morte de um suspeito de tráfico identificado como Jessé. Amigos disseram que ele trabalhava numa oficina mecânica.


Já em novembro, o comércio da região também fechou por ordem do tráfico após a morte de um homem que seria considerado um dos ‘frentes’ do tráfico de drogas da comunidade de Jardim Nova Era, que fica próxima do bairro Danon. 


Um homem identificado como Yuri de Souza Machado, de 20 anos, que seria integrante do tráfico e suspeito de praticar roubos na localidade, teria sido assassinado. Havia suspeitas de que ele foi morto por traficantes rivais. Na época, moradores afirmaram que homens fortemente armados em motocicletas ordenaram o fechamento do comércio. Eles garantem que ainda há uma guerra interna pelos pontos de drogas na região.


Via Jornal de Hoje
13/01/2017

Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »