Goleiro Bruno Fernandes já divide opinião de moradores de condomínio no Rio



O ex-goleiro do Flamengo Bruno Fernandes chegou, nesta sexta-feira, ao condomínio Pedra do Recreio II, em Vargem Grande, na Zona Oeste do Rio, onde mora a mulher dele, a dentista Ingrid Calheiros. A permanência de Bruno no local já divide a opinião dos moradores. Alguns como o estudante Bruno Ribeiro Belo, de 19 anos, disseram que a chegada do ex-jogador rubro-negro é bem-vinda.



Bruno Ribeiro Belo da Silva, 19 anos, torcedor do Flamengo e morador do Condomínio Pedra do Recreio II, em Vargem Grande, diz que o goleiro Bruno tem direito a uma segunda chance Foto: Márcio Alves / Foto Márcio Alves/ Agência O Globo



Torcedor do Flamengo, o jovem ainda brincou dizendo que o time do condomínio será reforçado.

— Se eu encontrá-lo passarei uma mensagem de coração. Diria a ele que todo mundo merece uma segunda chance. Agora o time da pelada do condomínio ficou mais forte. Bruno vai ficar no gol e eu na linha —disse o jovem, que vestia uma camisa do Flamengo com o nome do ex-goleiro.

Outros, no entanto, não reagiram bem a chegada de Bruno. Uma moradora, que pediu para não ser identificada, deixou claro que a convivência será difícil.

— É difícil conviver com uma pessoa que praticou um homicídio. Eu tenho uma filha e fico preocupada né — disse.

Em seu primeiro dia no condomínio, onde já morava a dentista Ingrid, Bruno preferiu ficar recluso em casa e não foi visto caminhando pelo local. Lúcio Adolfo da Silva, advogado do ex-goleiro, informou ter aconselhado seu cliente a fazer um exame de DNA para comprovar a paternidade atribuída a ele, em 2012, pela Justiça. Para o advogado, este é um procedimento padrão da defesa, que determinará a revisão da pensão para o filho Bruninho.

— Essa foi uma decisão minha como advogado. O pedido do exame de DNA é um procedimento padrão. Vamos entrar com o pedido e aguardar a decisão judicial para definir a data. Agora é a hora de ele viver a vida dele, em liberdade — afirmou o advogado ao EXTRA.

Bruno e Ingrid estão juntos desde 2008 Foto: Foto mariela Guimarães/O tempo/Agência O Globo

Bruno e Ingrid estão juntos desde 2008, antes da prisão do ex-jogador acusado do assassinato de Eliza Samúdio, mas só se casaram ano passado. Segundo o advogado Lúcio Adolfo, pelo menos dez clubes estariam interessados em contratar o ex-jogador do Flamengo. Um deles seria o Bangu.

— Só posso dizer que estamos em negociação. A Justiça de Minas Gerais já autorizou Bruno a voltar a trabalhar como jogador de Futebol. Não haverá problemas para ele fazer isso no Rio de Janeiro se houver acordo com o Bangu — disse o advogado, acrescentando que o Brasileiense é outro clube interessado em Bruno .

Na última sexta-feira, 24, o ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), mandou soltar o goleiro Bruno, que foi condenado pelo assassinato de Eliza Samudio, com quem teve um filho. O Tribunal do Júri de Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, lhe aplicou uma pena de 22 anos e três meses, mas não houve confirmação ainda da condenação na segunda instância. Por isso, Marco Aurélio determinou que ele tenha o direito de recorrer em liberdade.


Via Extra
04/03/2017

Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »