Sequestro com 3 explosivos acaba com refém liberado em Copacabana



Pouco antes de 10h da manhã desta terça-feira (7), chegou ao fim um sequestro numa loja na Rua Barata Ribeiro, em Copacabana, Zona Sul do Rio. Ninguém ficou ferido.

De acordo com a Polícia Militar, os agentes negociaram que o grupo se rendesse e não houve roubo. No entanto, um funcionário foi feito refém e 3 explosivos foram apreendidos.

Foram apreendidos também 2 revólveres e quatro suspeitos foram presos: Wellington Salles da Silva, Ruan Ferreira de Oliveira, Wildney Alves Leão e Ewerton Luis Pereira Lopes da Silva. O caso foi registrado na 12ª DP.

Procurado pelo G1, o gerente do comércio não quis falar.

Segundo José Carlos Ferreira, gerente de uma tapeçaria que fica ao lado das Lojas Americanas onde ocorreu o crime, a quantidade de assaltos na região é "assustadora".

"Aumentou consideravelmente [o número de assaltos]. Depois que abriu aqui, especialmente a Americanas, são furtos, chocolates, ventiladores. Entram lá e roubam tudo. Assusta bastante. Aumentou muito a violência [na região]", disse José Carlos.

Ainda de acordo com o comerciante, o crime teria começado pouco depois das 7h e só terminou mais de duas horas depois.

"Eu cheguei aqui, devia ser 9h45. Havia muitos policiais na porta e eu fui saber que a Americanas estava sendo assaltada, com refém", completou.

Rua interditada



A via foi interditada na altura da Rua Duvivier por volta de 9h. Cerca de cinco viaturas rondavam o local, que foi totalmente isolado. O cerco era feito por PMs do 19º BPM na altura do número 94.

O local é próximo da Praça Cardeal Arcoverde. De acordo com o Centro de Operações da Prefeitura, o trânsito ficou complicado e os motoristas deveriam optar pela Rua Ministro Viveiros de Castro.




Via G1
07/03/2017


Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »