Vídeo mostra travesti sendo espancado covardemente


A que ponto a humanidade chegou e, de fato, tal pergunta parece que fica ecoando ao sabor do vento e o pior, não encontra uma resposta adequada ou que resolva o tipo de preconceito homicida descrito a seguir. 

Desde o último dia 3 de março, um vídeo que começou a circular nas redes sociais e internet como um todo se transformou rapidamente em viral, isso porque nele estão registradas as imagens de um travesti sendo covardemente espancado, por no mínimo cinco homens, com chutes, socos e até fortes pauladas, o que acabou provocando posteriormente a Morte da pessoa, cujo nome é Dandara dos Santos. 
Em uma questão como esta não se trata do dever de amar o próximo, mas ao menos de o respeitar todas as suas diferenças e histórico de vida. Independente da inclinação religiosa de cada leitor, o absurdo aqui descrito faz com que muitos se recordem e tracem uma analogia do ocorrido com as palavras do apóstolo cristão Paulo, escritas no 1º século da era comum ao seu discípulo Timóteo, que são: “sabe, porém, isto, que nos últimos dias haverá tempos críticos, difíceis de manejar. 

Pois os homens serão amantes de si mesmos, amantes do dinheiro, pretensiosos, soberbos, blasfemadores, desobedientes aos pais, ingratos, desleais, sem afeição natural, não dispostos a acordos, caluniadores, sem autodomínio, ferozes, sem amor à bondade, traidores, teimosos, enfunados [de orgulho], mais amantes de prazeres do que amantes de Deus, tendo uma forma de devoção piedosa, mostrando-se, porém, falsos para com o seu poder; e destes afasta-te”.

Por outro lado, independente do homicídio, que na opinião de muitos foi algo doloso ou com a intenção consciente de matar a vítima, conforme pode ser ouvido em uma das frases finais dita por um membro da gangue que agredia a pessoa, as pessoas de bem deste país esperam que o crime seja punido de modo exemplar pela Justiça brasileira. Muito embora o grave delito tenha acontecido na data de 15 de fevereiro na região do bairro Bom Jardim, na cidade de Fortaleza, capital do Ceará, foi unicamente agora que o vídeo acabou ganhando milhares de visualizações no mundo da web.

As cenas são no mínimo degradantes, pois o travesti jogado ao chão e sem poder esboçar nenhuma reação de defesa, continuava a ser atacado com chineladas, pedaços de paus e sempre sendo constantemente humilhado e forçado a subir em um carrinho de mão. O mesmo, após ter sido tão surrado, sequer conseguia ficar em pé.
As autoridades policiais civis do Ceará, disseram por meio de uma nota oficial que foi aberto um inquérito policial junto ao 32º DP (Distrito Policial), no mesmo bairro em que ocorreu a agressão; sendo que os policiais confirmaram que o trabalho de investigação já se encontra bastante evoluído, mas, por enquanto, não serão transmitidas outras informações a fim de não prejudicar o trabalho da polícia.

Veja o vídeo (cenas fortes)





Via Blasting News
11/03/2017




Compartilhe nas redes sociais

LEIA OUTRAS NOTÍCIAS QUE ESTÃO BOMBANDO NO BAIXADA VIVA

Próximo post
« Prev Post
Post anterior
Next Post »